viagens&gastronomia

A primeira Porto Food Week dá ordem “para comer tudo”

 

 

Este ano, é a vez do Porto receber “a semana gastronómica que agita as cidades e que desafia a comer tudo”, a Food Week. Entre os próximos dias 21 e 30, todos os caminhos gastronómicos irão encontrar-se na Porto Food Week, um evento que convida a cidade e quem a visita a viver uma intensa semana de experiências gastronómicas ricas e inéditas.

Após três edições bem sucedidas na capital (Lisbon Food Week), a organização, achou que a Invicta merecia também um evento que homenageasse a gastronomia portuense.

A par de jantares especiais e conversas culinárias, existirão rotas patrocinadas que darão a conhecer os melhores restaurantes em cada uma das categoria definidas.

No dia 23, por exemplo, há a Rota das Tascas. Uma espécie defoddie paperem que se visita algumas das tascas mais antigas e simbólicas da cidade do Porto contrastando com locais contemporâneos e de referência. Quais? Cachorros da Gazela, Casa Guedes, Nortada, Conga e Xico Queijo. A participação tem um custo de 55 euros por pessoa.

Dez jantares especiais programados

Um dos destaques da programação passa pelos jantares – são 10 no total. O de abertura acontece no Restaurante Oficina. O chef da casa, Marco Gomes, recebe quatro convidados, num jantar que vai celebrar a cabidela.

Helena Ventura, da Casa Ventura (Amarante), Ricardo Nogueira, do Mugasa (Anadia), Vítor Adão, do Izakaya Tokkuri (Lisboa), e Rui Martins, do Rib Beef & Wine (Porto) são os convidados.

Já no que toca às conversas culinárias, a primeira acontece no dia 24 e tem como tema “Artes da Comida, Comida das Artes”.  Paulo Russell-Pinto, será o moderador da conversa que junta Hugo Brito (cozinheiro), Beatriz Albuquerque (artista), Albuquerque Mendes (artista) e Rui Reininho (músico).

A Porto Food Week terá também um Fórum de Cozinha, chamado Pensar Cozinha, que acontece dia 25 de março, durante o dia, no Pestana Palácio do Freixo. Segue-se, ao final da tarde, uma cerimónia de prémios do blogue portuense Flavors&Senses.

Deixar uma resposta