carreira&trabalho

Para cultivar a sua imagem pessoal não precisa gastar uma fortuna

Já ninguém ousa contrariar a tese: a imagem pessoal é a nossa marca e o seu peso reflecte-se tanto a nível pessoal como profissional. Importa apresentar looks adequados a cada circunstância e apostar num estilo pessoal e único. Com essa certeza: “A imagem pessoal deverá reflectir o que somos, o que queremos mostrar sobre nós e, este acto, deve ser natural e espontâneo”.  Quem o garante é a consultora de imagem Eduarda Lopes, que realiza, regularmente, workshops, produções de styling, personal shopper e consultoria de imagem pessoal.

“É importante que a nossa imagem pessoal transmita uma boa impressão, seja fiel e consequentemente individual e única. É a nossa marca, a nossa identificação, gerando credibilidade, destaque, diferença, positivismo e adequação de comportamento quer a nível profissional, quer pessoal”, sugere, ainda, a especialista.

E se há ideia que importa desmistificar é a de que para ter uma boa imagem pessoal é preciso investir muito dinheiro. “Devemos pensar que a imagem se constrói com a conjugação de diversos factores desde os hábitos de higiene, alimentação, condição física, educação e, relativamente a estes, podemos considerá-los essenciais, básicos e acessíveis a qualquer um de nós. Quanto ao vestuário, calçado, acessórios, a oferta é imensa e os valores são favoráveis a todos os orçamentos, mesmo os mais limitados (baixos)”, garante.

Conselhos e dicas

Fica, assim, a garantia de que uma “boa imagem está acessível a qualquer um”. Basta ter acesso aos truques e dicas necessários e colocá-los em prática e, para isso, nada melhor do que ter acesso a um especialista na matéria.

Mesmo que não consiga ter tempo (e dinheiro) para contratar um consultor, há sempre a opção de frequentar a um workshop ou oficina formativa. Algumas horas serão suficientes para que as pessoas se sintam “motivadas e entendam o que podem fazer, sozinhas, para melhorar a sua imagem, suscitando a vontade da dinamização e consequente concretização” e recebendo “dicas e orientações de estilo, de organização, de tendências”, destaca Eduarda Lopes.

Para os interessados, fica a dica: no dia 14 de Julho, a especialista irá estar UNAVE – Associação para a Formação Profissional e Investigação da Universidade de Aveiro, a ministrar uma formação de seis horas.

 

A consultora de imagem Eduarda Lopes



 

Deixar uma resposta