cultura&ócio

Mercados, feiras e parques temáticos. A animação natalícia no seu melhor

Será difícil encontrar motivos para não gostarmos do Natal (tirando aquela parte dos quilinhos extra, adquiridos com vários dias de festejos em família e com amigos). É altura de nos concentrarmos naqueles que mais amamos e de renovarmos a esperança num futuro melhor. Uma época mágica que, além do mais, é também sinónimo de mini-férias e escapadelas em família – com as férias escolares dos mais novos fica mais fácil programar uns passeios e umas actividades especiais. E se há coisa da qual não nos podemos queixar, desde há alguns anos, é da falta de propostas para sair para a rua e aproveitar a animação natalícia ao máximo.

Desde os mercados de Natal, passando pelos parques temáticos e as feiras alusivas à época, as sugestões são muitas e estendem-se a grande parte das cidades portuguesas. Está na altura de começar a sair para a rua (agasalhem-se bem) e contemplar as iluminações que já começam a engalanar o espaço público e a animação que vai tomando conta das zonas centrais das cidades e vilas.

Para quem está na capital, uma das propostas pode (e deve) passar por uma visita à “Wonderland Lisboa”. De 1 de Dezembro até 1 de Janeiro, o evento vai transformar o Parque Eduardo VII num autêntico País das Maravilhas natalício – a entrada é gratuita. À espera dos miúdos e dos graúdos estará uma roda gigante, uma pista de gelo e uma espécie de aldeia Natal – entre outros atractivos.

Um pouco mais a Norte, mais concretamente em Óbidos, volta a estar garantida a Vila Natal. Um evento repleto de luz, cor e fantasia, transformando esta vila “num lugar de sonho, onde todos – crianças e adultos – podem viver experiências mágicas, entre inúmeras brincadeiras e diversões”. Espectáculos, jogos, pistas de gelo, insufláveis e a Casa do Pai Natal, são alguns dos atractivos preparados para os visitantes.

Para quem está na zona Norte do país, um dos locais de visita obrigatória é o Perlim, que se instala em Santa Maria da Feira, mais concretamente na Quinta do Castelo, durante todo o mês de Dezembro (de 1 a 31). Um parque temático que aposta em “espectáculos musicais de grande formato, histórias de encantar, animação circulante, cenários e cenografia, inspirados no melhor do imaginário infantil, e muitas diversões”.

Nem o frio afasta a animação

E porque Natal é, também, sinónimo de frio (pelo menos, por estas latitudes), uma das sugestões que devem estar em cima da mesa na hora de escolher uma visita a um parque de animação natalícia passa pela “Cidade Natal” da Guarda – que tem a fama (e o proveito) de ser muito frio. De 1 a 25 de Dezembro, a Praça Luís de Camões, junto da Sé Catedral, será uma vez mais o centro de toda a animação natalícia, onde será instalada uma Rampa de Gelo Sintético, com duas vias e 24 metros de comprimento, uma novidade na edição deste ano que “promete divertir, sobretudo, o público infanto-juvenil”. No recinto da “Cidade Natal” estarão ainda a “Casa do Pai Natal”, uma árvore de Natal com 13 metros de altura (inspirada nos cristais de gelo), um carrossel parisiense e um globo de neve.

Comecem a programar os fins-de-semana que aí vêm, sem esquecer os pequenos mercadinhos e concertos que vão acontecendo aí mesmo ao virar da esquina.

 

 

 

Créditos das fotos: Perlim e Óbidos Vila Natal

2 thoughts on “Mercados, feiras e parques temáticos. A animação natalícia no seu melhor

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s