cultura&ócio

Junho é mês de festejar os santos populares. E o Santo António está já aí

Junho rima com marchas populares, bailes, balões e muita alegria. Também rima com sardinha, caldo verde, broa e vinho. Acima de tudo, Junho é um mês de festa rija, um pouco por todo o país e também no Brasil (do lado de lá do Atlântico chamam-lhe Festas Juninas), com comemorações dedicadas a Santo António, São João e São Pedro.
Por cá, Lisboa é o epicentro da festa dedicada a Santo António e aposta num programa que arranca logo no primeiro dia do mês, atingindo o seu ponto alto com as tradicionais marchas populares. O desfile acontece na noite de dia 12 de Junho, véspera de feriado, na Avenida da Liberdade, a partir das 21h00. Além das três marchas convidadas de Leiria, Viseu e Quarteira, irão marcar presença as vinte marchas lisboetas.
Outro dos grandes destaques das festas lisboetas reside nos arraiais populares, com bailaricos, fado, caldo verde e sardinhas. Irão decorrer ao longo de todo o mês em vários pontos da cidade, nomeadamente em Alcântara, Avenidas Novas, Belém, Campolide, Carnide, Estrela, Marvila, Olivais. As festas só irão terminar a 1 de Julho, ao som da música latina, com uma festa que irá transformar a Praça do Comércio num enorme salão de baile à beira Tejo: o espectáculo vai juntar as bandas Gipsy Kings e Los Van Van, assim como DJ’s, VJ’s e escolas de dança.

Festa também a Norte

Para quem está mais longe da capital, não faltam outras propostas de festas de Santo António a ter em conta. Uma delas acontece em Estarreja, terra do Carnaval que começa a ser, também, cada vez mais conhecida pelas festas dedicadas ao santo “casamenteiro”. Entre os dias 2 e 13, a cidade “respira” alegria, com concertos ao ar livre, bailes e manjericos, e o desfrutar das tradições no mercado antigo e nas marchas populares, ou saborear a sardinha assada, para além de outras tantas iguarias, nas irresistíveis tasquinhas.
Os primeiros dias de festa, dias 3 e 4, acontecem na Praça Francisco Barbosa, com um Mercado Antigo que recria as vivências e quotidiano de outros tempos. Depois, as atenções viram-se para o Parque Municipal do Antuã, onde estará instalado um grande palco com vista para o rio e preparado para receber nomes incontornáveis da música portuguesa: Black Mamba + Diana Martinez & The Crib (dia 8), Quinta do Bill (dia 9), Pedro Abrunhosa e Comité Caviar (dia 10) e Átoa (dia 11). Sempre com entradas livres. No mesmo espaço, estarão instaladas várias tasquinhas gastronómicas. Destaque ainda para as Marchas Populares, que celebram o Santo António na véspera do feriado municipal (noite de 12), num dos pontos altos dos festejos estarrejenses e que atrai milhares de espectadores. O desfile percorre a Avenida 25 de Abril e o Parque do Antuã, a partir das 21h30.
Toca a festejar e a brindar a Santo António, mas sem gastar todas as energias (São João e São Pedro ainda vêm aí).

 

 

One thought on “Junho é mês de festejar os santos populares. E o Santo António está já aí

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s